Ultrassom Doppler de Carótidas. Quando devo realizar?

As Doenças Cardio Vasculares estão dentre as principais causas de morbidade e mortalidade no mundo, segundo a Organização Mundial de Saúde, sendo a Doença Arterial Coronária e o Acidente Vascular Encefálico dentre as principais causas de óbito.

As artérias carótidas e vertebrais são os principais suprimentos sanguíneos cerebrais, e a avaliação rotineira desses vasos podem detectar precocemente doenças vasculares.

A ultrassonografia das artérias carótidas é um exame não invasivo, que fornece ricos detalhes das artérias estudadas, é largamente utilizado na avaliação do risco cardiovascular, pela medida da espessura do complexo mediointimal e detecção da presença das placas ateroscleróticas, bem como pela capacidade de avaliar a morfologia das placas e o grau de estenose, características associadas à ocorrência de eventos cerebrovasculares.

Quando realizar o exame: (segundo Consenso americano e europeu e posicionamento da Soc Brasileira de Cardiologia em 2019)

  • Em pacientes com história de hipercolesterolemia familiar.
  • Pacientes com doenças autoimunes ou em uso de imunossupressores.
  • História de doença cardiovascular precoce em parentes de primeiro grau.
  • Indivíduos com < 60 anos com anormalidade grave em um fator de risco.
  • Mulheres < 60 anos, com no mínimo 2 fatores de risco.
  • Doença aterosclerótica prévia.
  • Acidente Vascular Encefálico (AVC).
  • Doença coronariana.